capa do post sobre museus de moda para visitar
|

7 Museus para visitar para quem ama Moda!

Para os amantes da moda e de sua história, uma das melhores maneiras de aprender sobre sua evolução, além de livros e documentários, é visitar museus. Neles estão expostos diversos exemplares de vestimentas, acessórios e calçados de diversos períodos, dando a oportunidade de um aprendizado de forma prática, lúdica e muitas vezes até mesmo interativa.

Existem centenas de museus dedicado à grande casas de moda, estilistas e moda em geral espalhados ao redor do mundo que fazem um trabalho fantástico de ilustrar a evolução da indústria que valem a visita durante uma viagem.

Sabia que no Etiqueta Única você pode vender sua bolsa de luxo com discrição e rapidez no maior brechó de luxo online do Brasil? Descubra como vender suas bolsas de luxo agora!

Confira abaixo sete museus que são um must para visitar para quem ama moda:

07. Metropolitan Museum of Art – Nova Iorque

Metropolitan Museum of Art, conhecido informalmente como The Met, foi fundado em 13 de abril de 1870, e aberto ao público em 20 de fevereiro de 1872. Atualmente, é um dos maiores e mais importantes museus do mundo e abriga uma importante coleção de pintura europeia dos séculos XII-XX e obras da arte antiga (grega, romana, egípcia e assírio-babilónica) e oriental. Estão também expostas em suas salas pinturas e esculturas de artistas norte-americanos.

Além de obras de arte, uma das alas mais importantes do museu é o Costume Institute, cuja coleção abriga mais de trinta e três mil objetos que representam mais de sete séculos de artigos de vestimenta e acessórios para homens, mulheres e crianças, do século 15 até o presente.

Reaberto em 2014 após dois anos em reforma, o complexo inclui a Galeria Lizzie e Jonathan Tisch, o espaço principal de exposição com um design flexível que se empresta para transformação frequente de vídeo, som e tecnologia sem fio. O Centro também inclui a Carl and Iris Barrel Apfel Gallery para orientar os visitantes sobre as exposições do The Costume Institute.

Exposição “Karl Lagerfeld: A Line of Beauty” no Metropolitan Museu of Art. (Fotos: Reprodução/Instagram @metcostumeinstitute)
Exposição “Karl Lagerfeld: A Line of Beauty” no Metropolitan Museu of Art. (Fotos: Reprodução/Instagram @metcostumeinstitute)

Nos bastidores há um laboratório de conservação de figurinos de última geração; uma instalação de estudo/armazenamento para abrigar os acervos combinados do The Costume Institute e da Brooklyn Museum Costume Collection; e The Irene Lewisohn Costume Reference Library, uma das principais bibliotecas de moda do mundo.

06. La Galerie Dior – Paris

A La Galerie Dior foi inaugurada no dia 10 de Março de 2022, e está localizado na Rue François Ier, próximo à icônica loja da maison na Avenue Montaigne. Com mais de 2 mil metros quadrados, o museu possui 13 espaços conceituais e é uma demonstração única de história, patrimônio e DNA da célebre da marca de luxo francesa.

Logo na entrada, uma gigantesca escada de mármore branco em espiral recebe os visitantes acompanhada de 1,874 miniaturas coloridas de itens Dior. Dentre elas, estão 452 mini vestidos dos sete estilistas oficiais da casa: Christian Dior, Yves Saint Laurent, Marc Bohan, Gianfranco Ferré, John Galliano, Raf Simons e Maria Grazia Chiuri.

Ao todo, 70 mini vestidos diferentes se espalham em sete décadas, datando desde o desfile New Look em 12 de Fevereiro de 1947 até os dias atuais. A La Galerie Dior também é um tributo para a primeira vocação de Christian Dior como dono de galeria. Fotos antigas em preto e branco mostram ele com amigos, como Salvador Dali, Christian Bérad e Jean Cocteau. Projetada como uma cenografia narrativa por Nathalie Crinière, a curadora principal das retrospetivas da Dior, a La Galerie revela sutilmente os preciosos arquivos da Casa, desde a alta costura até as fragrâncias.

La Galerie Dior em Paris. (Foto: Reprodução/Instagram @commedesfrancais)
La Galerie Dior em Paris. (Foto: Reprodução/Instagram @commedesfrancais)

05. Gucci Garden – Florença

O Gucci Garden foi inaugurado em 2011 na cidade de Florença e idealizado por Alessandro Michele, que era diretor criativo da maison italiana na época. O local é uma verdadeira experiência e conta não apenas com um museu, mas também um restaurante (o Gucci Osteria), uma loja da própria marca e uma livraria.

Ao contrário da maioria dos museus com explicações escritas de cada obra de arte, as peças Gucci falam por si. Dentro dele, existe uma estrutura cronológica que se estende por três andares que destaca evolução da moda Gucci desde sua criação em 1921. Nela, são apresentadas peças como malas da década de 1930, estampas florais ousadas da década de 1950 e colares de esmalte tricolor da década de 1970.

Michele até criou uma seção do museu dedicada ao diretor criativo anterior, Tom Ford, por achar seu trabalho inspirador. A secção é composta por duas salas: uma para as roupas ready-to-wear e outra para os acessórios. A sala de roupas apresenta alguns dos icônicos looks vampy de Ford, com uma cor magenta profunda em toda a sala e nos manequins sem rosto. A sala de acessórios apresenta uma variedade de cores rosa e vermelho com acessórios com temática GG de Ford, como fio dental, coleira e algemas.

Gucci Garden em Florença. (Foto: Reprodução/Instagram @dkstorehub)
Gucci Garden em Florença. (Foto: Reprodução/Instagram @dkstorehub)

04. Museu Salvatore Ferragamo – Florença

O Museu Salvatore Ferragamo foi fundado pela família Ferragamo em maio de 1995 para apresentar ao público internacional as qualidades artísticas de Salvatore Ferragamo e o papel que ele desempenhou na história do calçado e da moda internacional. A ideia do museu surgiu inicialmente quando uma exposição foi organizada no Palazzo Strozzi sobre a história de Salvatore Ferragamo.

A exposição saiu em turnê e foi apresentada por alguns dos museus mais prestigiados do mundo, como o Victoria and Albert em Londres, o Los Angeles County Museum of Art, a Sogetsu Kai Foundation em Tóquio e o Museo de Bellas Artes no México. A exposição temporária tornou-se gradualmente permanente. Desde meados da década de 1990, o museu organiza diversas exposições para retratar a história do fundador e mostrar a abertura e o interesse de uma empresa por meio de diferentes linguagens artísticas, que vão do design à moda, como meios de comunicação para a divulgação de um estilo de viver e vestir.

A partir de 2006, para tornar a vida do museu tão dinâmica quanto a vida da empresa, a estrutura expositiva do museu foi modificada e agora cada ano é selecionado um tema de pesquisa diferente que, a partir da experiência de Salvatore Ferragamo, a história de sua vida, suas criações, os clientes que atendeu e seus valores, dá a oportunidade de descobrir o mundo de Ferragamo de forma indireta combinada com outras expressões culturais como Arte, Arquitetura, Design, História econômica e social e Filosofia. A cada vez, o museu parece diferente, com configurações e conteúdos diferentes.

Museu Salvatore Ferragamo em Florença. (Foto: Reprodução/Instagram @fondazioneferragamo)
Museu Salvatore Ferragamo em Florença. (Foto: Reprodução/Instagram @fondazioneferragamo)

03. Museu Yves Saint Laurent – Marrocos

Inaugurado no outono de 2017, o Museu Yves Saint Laurent Marrakech é totalmente dedicado ao lendário estilista francês Yves Saint Laurent. O local abriga uma importante seleção da Fondation Pierre Bergé – uma coleção impressionante da Yves Saint Laurent, que inclui 5.000 itens de vestuário, 15.000 acessórios de alta costura, além de dezenas de milhares de esboços e objetos variados.

O edifício foi projetado pelo escritório de arquitetura francês Studio KO, fundado pelos arquitetos Olivier Marty e Karl Fournier. Situado na Rue Yves Saint Laurent, adjacente ao famoso Jardim Majorelle, o prédio ocupa mais de 4.000 m² e é mais do que apenas um museu. Possui um espaço de exposição permanente de 400 m², mostrando o trabalho de Yves Saint Laurent em uma cenografia original projetada por Christophe Martin; espaço para exposições temporárias de 150 m², auditório com 130 lugares, livraria, café-restaurante com terraço e biblioteca de pesquisa com 5.000 livros.

Museu Yves Saint Laurent no Marrocos. (Foto: Reprodução/Instagram @museeyslparis)
Museu Yves Saint Laurent no Marrocos. (Foto: Reprodução/Instagram @museeyslparis)

02. Museum of Costume and Fashion – Florença

O Museum of Costume and Fashion (anteriormente conhecido como Costume Gallery) está localizado no Palazzina della Meridiana, ao lado da ala sul do Palazzo Pitti. A construção do prédio começou sob o reinado do Grand Duque da Toscana, Peter Leopoldo, pelo arquiteto Gaspero Maria Paoletti em 1776 e foi finalizada em 1830 por Pasquale Poccianti sob o reinado do Grande Duque Leopold II, e seu nome vem do instrumento astronômico feito por Vicenzo Viviani em 1699.

Fundado em 1983, foi o primeiro museu estatal na Itália dedicado à história da moda e seu significado social. Exibidas em rotação para fins de conservação, suas coleções incluem roupas, joias e acessórios do século 18 até os dias atuais, juntamente com um cativante conjunto de figurinos usados por estrelas do cinema, teatro e ópera em obras dirigidas por renomados diretores do século 20.

Entre as vestimentas antigas, as roupas funerárias do século XVI de Cosimo I de ‘Medici, Eleanor de Toledo e seu filho Garzia de’ Medici foram totalmente restauradas e fazem parte da coleção permanente em exibição.

Museum of Costume and Fashion em Florença. (Foto: Reprodução/Uffizi.it)
Museum of Costume and Fashion em Florença. (Foto: Reprodução/Uffizi.it)

01. Victoria and Albert Museum – Londres

Considerado um dos museus mais importantes da atualidade, o Victoria and Albert Museum tem suas origens na Grande Exposição de 1851, com a qual Henry Cole, o primeiro diretor do museu, esteve envolvido no planejamento. A principio, o museu era conhecido como o Museu dos Manufacturas, aberto pela primeira vez em em maio de 1852 em Marlborough House (sendo em setembro, transferido para Somerset House). Suas coleções abrangiam arte e ciência aplicada e várias das exposições da Exposição[3] foram compradas para formar o núcleo da coleção do Victoria and Albert Museum.

A abertura oficial foi feita pela Rainha Victoria em 22 de junho de 1857. Nos primeiros anos do museu, sua coleção foi muito enfatizada como posição à “High Art” (que seria uma arte da a”alta-sociedade”). George Wallis (1811-1891), o primeiro Guardião de Coleção de Belas Artes, promoveu apaixonadamente a ideia da educação artística por meio das coleções do museu

Atualmente, o V&A é o principal museu de arte e design do mundo, abrigando uma coleção permanente de mais de 2,8 milhões de objetos, livros e arquivos que abrangem mais de 5.000 anos de criatividade humana. O museu possui muitas das coleções nacionais do Reino Unido e abriga alguns dos maiores recursos para o estudo de arquitetura, móveis, moda, têxteis, fotografia, escultura, pintura, joias, vidro, cerâmica, arte do livro, arte e design asiáticos, teatro e desempenho.

Vestidos de Christian Dior que estiveram expostos no Victoria and Albert Museum. (Foto: Reprodução/Instagram @vamuseum)
Vestidos de Christian Dior que estiveram expostos no Victoria and Albert Museum. (Foto: Reprodução/Instagram @vamuseum)

Estes são apenas alguns dos incríveis museus para visitar para quem ama moda e sua trajetória. Já conhece algum deles?

Posts Similares

Inscreva-se em nossa Newsletter e Ganhe até 15% off em sua próxima compra no Etiqueta Única

Cadastre-se em nossa newsletter e receba dicas, novidade e promoções em primeira mão do Etiqueta Única, além de um Cupom e desconto de até 15% para suas próximas compras!



Stories

Novidades

capa do post sobre coleção de perfumes da Fendi

Fendi lança coleção de perfumes de luxo

A Fendi é uma marca de luxo fundada em Roma, na Itália, em 1925, que ficou conhecida no mercado por produzir bolsas de couro feitas à mão com alto grau de qualidade e sofisticação. A marca italiana tem como símbolo o seu logotipo de F invertido (chamado de Zucca na versão maior e Zucchino na versão pequena),…
capa do post sobre bolsas saint laurent para presentear no natal

Super Sale: Melhores Oportunidades Yves Saint Laurent!

A Saint Laurent é considerada atualmente uma das marcas de luxo mais descoladas e cool, com peças modernas e estilosas, mas que ainda mantém a essência da marca de ser elegante, sofisticada e transformar e ditar o guarda-roupas da mulher contemporânea. Responsável por trazer o smoking e os macacões para o guarda roupa feminino, a…

O desfile da Celine no deserto e os rumores da saída do estilista Hedi Slimane!

Fofoca fashion: O mais recente desfile da Celine Men Winter 24 está causando alvoroço. Os motivos? São diversos! Em primeiro lugar, a escolha da locação foi o impressionante deserto californiano. Além disso, há fortes boatos circulando de que Hedi Slimane, estilista da marca desde 2018, está prestes a deixar a Celine. Se verdade ou não,…

As Joias Tiffany & Co que são perfeitas para o Dia dos Namorados

Uma das marcas de joias mais celebradas e desejadas do mundo, a Tiffany & Co foi fundada por Charles Lewis Tiffany e John B. Young em Nova Iorque em 1837. Com 185 anos de história, a joalheria lendária foi eternizada por Audrey Hepburn no filme Bonequinha de Luxo. A Tiffany & Co é uma das…
capa do post sobre porque é a melhor hora para vender bolsas de luxo

Por que agora é a melhor hora para desapegar de bolsas de luxo?

O mundo da moda passou a ter inúmeras preocupações além de tendências: a sustentabilidade, o consumo consciente e como seus produtos estão impactando o mundo. Uma ótima forma de praticá-lo é desapegando de suas peças, principalmente suas bolsas de grifes de luxo. Você não apenas ajuda o meio ambiente, mas também faz com as peças…

Louis Vuitton: Tudo sobre a Origem do Nome da Marca Francesa!

Fundada em 1854 e atualmente sob o comando do estilista Nicolas Ghesquière na linha feminina e de Pharrell Williams na masculina, a Louis Vuitton continua a ser uma das grifes de luxo mais valiosas e desejadas globalmente. Mas você já parou para pensar por que a marca se chama Louis Vuitton? Para entender por que…
capa do post sobre o serviço de autenticidade do Etiqueta Única

Tudo sobre o serviço de autenticidade do Etiqueta Única!

Quando falamos sobre artigos de luxo, seja qual for sua categoria, um dos pontos mais importantes é a sua autenticidade, principalmente quando comprados em lojas de second hand. Já que, infelizmente, atualmente a falsificação destes produtos é muito frequente. O Etiqueta Única é o maior portal de artigos de luxo semi novos do Brasil e…
capa do post sobre bolsas crossbody para presentear no dia dos namorados

4 Bolsas Crossbody para presentear no Dia dos Namorados

A história da bolsa crossbody é datada no final da Segunda Guerra Mundial, especificamente na década de 40. A mulher começou a ter um novo papel na sociedade, começando a ter maior demanda da mão-de-obra feminina devido ao fato que os homens estavam na guerra. Com esta maior demanda, surgiu a necessidade de ter maior mobilidade,…

Atletas Olímpicas são as Novas Embaixadoras da Dior!

Diante das iminentes Olimpíadas de Paris 2024, a tradicional grife francesa Dior divulgou seu novo time de “Embaixadoras Dior”, composto por 15 atletas femininas de destaque. A escolha estratégica não poderia ser mais oportuna. Afinal, Paris, a capital mundial da moda dessa vez não só sediará os desfiles das grandes maisons, mas também atrairá os…
capa-post-bolsas-que-voce-encontra-em-second-hand

Blast from the past: 4 Bolsas queridinhas que foram descontinuadas

A bolsa acabou se tornando um acessório indispensável para qualquer mulher ao longo dos séculos. Ela surgiu com o simples intuito de nos ajudar a carregar nossos itens pessoais de maneira fácil e prática mas no decorrer do tempo foi tão reinventada e incorporada ao mundo fashion que acabou sendo obrigatória em qualquer look. A…

5 Bolsas Christian Dior para presentear no Dia dos Namorados!

Uma das marcas de luxo mais tradicionais e conhecidas do mundo, a Dior é sinônimo de sofisticação, elegância e atemporalidade. Com mais de 70 anos de história, a maison francesa se tornou referência por suas peças refinadas e com estilo feminino, tendo diversos itens icônicos e que são referência, sendo suas bolsas os itens de…
capa do post sobre o desfile louis vuitton cruise 25

Tudo Sobre o Desfile Louis Vuitton Cruise 2025!

temporada de desfiles de desfiles das coleções Cruise, que são coleções que antecedem as clássicas de verão e, geralmente, acontecem em diferentes localidades ao redor do globo a cada ano que serviram de inspiração para tal coleção, já está a todo vapor! A última marca de luxo a apresentar sua coleção Cruise foi a Louis…